quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013

LAMENTO!?

 

Um canto ecoa livre e forte...
Não é de júbilo..mas sim de dor..de lamento..
De uma dor sofrida...de compaixão sentida..
Pelos que não estão ali..

Pelos filhos que não vão chegar..
Uma angústia doída...por quem não irá a mesa sentar...
Como explicar?
Não há palavras..

Mas invade a sala....contagia..
A dor sentida é dividida e como dói...
Dá vontade de correr...de gritar..
O tempo não para..
O perdido buscar..

A quem tanto amou.. o sacrifício ficou..
Com forças renovadas ergue os olhos...e vai enfrente..
Enxuga as lágrimas...e entende o chamado..

Dividir a dor...entender  e buscar com amor..
Não importa onde está...e o tempo que for..
Ele não desiste de nós..
Quem nós pra desistir...

Nenhum comentário:

Postar um comentário